sexta-feira, 9 de novembro de 2007

Comentário a um post

(Imagem: "Bald" de Herwing-Maria Stark)
CarecaRaiboso disse...

olá senhora DonaGata desculpe estar a incomodar daqui é o CarecaRaiboso ,careca porque pois claro raiboso porque sou do Porto carago , e gosto muito do seu belógue só é pena as poesias não rimarem porque assim nem parece poesia e já diz o povo que quem não se lhe arrima é porque nem parece prima e então eu estava a pensar nisto tudo e veio-me uma melancolia sei lá um pensamento ou se calhar foi da cagadela daquela pomba que me deixou aturdido , e a senhora desculpe DonaGata por este atrevimento e nem parece mas sou filho de boas famílias que até estou cheio de ganhar prémios , o primeiro ainda era pequenino quando a minha mãezinha me levou ao concurso do bebé mais lindo na paróquia de Rio Tinto que é uma paróquia que fica em Rio Tinto , e logo aí ganhei um prémio , que saudades, que logo que cheguei toda a gente começou a dizer meu Deus , porque eu acho que sou muito espiritual , e outros começaram a vomitar , mas o que se segue é que o senhor padre , que Deus o tenha em boa memória , deu à minha mãe um saco preto e dez escudos e uma medalha do último lugar do bebé mais lindo e a minha mãe lá me pôs o saco na cabeça e guardou a medalha e comprou-me uma boina com os dez escudos e eu gostava muito dessa boina e eu gostava mesmo era de a usar de lado mas a minha mãe achava que me ficava mesmo mesmo bem era de frente e depois ela levantava a boina quando era para eu comer , mas com a boina ou com o saco eu andava sempre era mesmo às cabeçadas a tudo e assim as pessoas não eram tão religiosas porque como não viam a minha cara não diziam meu Deus porque pronto sou feio , pronto está dito , mas a minha madrinha disse que há um homem que é esquimó que pelos vistos é mais feio que eu , e deve ser mesmo porque ao que consta esse tem que usar dois sacos , eu até admiro muito os esquimós porque vivem naquelas casinhas feitas de quadradinhos de gelo e fazem lá dentro um buraquinho para o xixi e outro ao lado para a outra coisa e ao lado outro buraquinho para lavar a loiça e depois outro para se lavarem no dia 3 de setembro porque aquilo é gente muito limpa e organizada lá na esquimócia e depois ficam com meio metro para poderem dormir e ficam todos uns em cima dos outros e é por isso que só na esquimócia é que os homens podem ter filhos de outros homens acho que é por dormirem uns em cima dos outros e como toda a gente sabe aquela coisinha branca viaja melhor em ângulo recto que é um ângulo muito bom para se viajar e eu uma vez viajei no comboio e quando entrei ma minha carruagem as pessoas disseram meu Deus , porque eu acho que sou muito espiritual , e duas atiraram-se do comboio abaixo ali na ponte de dona Maria que é uma senhora que tem uma ponte e se chama Maria , eu não tenho nenhuma ponte mas gostava , o que tenho mesmo é fio duma coisa que se chama indústria têxtil que é aonde trabalham os homens que não sabem fazer mais nada e então eu disse Eu acho que não me importava de ser menos feio e o fio não disse nada porque já se sabe que o fio não fala, à excepção do fio de voz , mas esse fala tão fininho que para isso mais valia estar calado , mas é como diz o povo Deus dá vozes a quem não tem nozes e dá nozes a quem não toca guitarra e dá unhas a quem não tem dentes e também dá figos mas não sei a quem esses e por isso é que há guerras os que têm guitarras querem as nozes , os que têm as unhas querem as vozes e todos querem os figos e os figos sim os figos quem é que os tem? pergunto eu e então começa tudo à guerra e os que não vão para a guerra vão para o psiquiatra que é um senhor que mora em Lisboa e a minha sobrinha que é filha da DonaGata disse Ó tio ( sou eu) vou fazer um filme e eu disse Ó sobrinha tu vais fazer um filme ? e a minha sobrinha disse Ó tio (sou eu ) vou fazer um filme e eu disse Um filme? e ela disse Um filme tio( sou eu) e quero que tu sejas o psiquiatra e eu disse E o senhor de Lisboa não leva a mal? e ela disse Ó tio ( sou eu) é só um filme e não tem que levar a mal e eu disse Com saco ou sem saco? e ela disse Ó tio ( sou eu) sem saco , e então lá fomos fazer o filme e quando lá cheguei estavam uns rapazes e uma raparigas e eu tirei o saco e eles lá vomitaram mas nenhum disse meu Deus ( deviam ser ateus ) e fiz um filme a fazer de psiquiatra que é uma profissão muito difícil porque eles olham para dentro de nós sem a máquina de raios Xis , assim como o SuperHomem mas de bata , eu na escola tinha uma bata mas andava sempre vomitada, vai-se lá saber porquê , e fazia poucos amigos aliás o meu único amigo era um cavalo , mas que ninguém pense já porcarias porque a nossa relação não era assim , até porque ele era muito alto e mesmo com o banco não dava , e eu dizia-lhe Ó Zorro tu és meu amigo? e ele dizia Brrrrrr mas quando eu me punha em cima do banco não conseguia perceber o que ele dizia , mas acho que o cavalo é muito parecido com a alma são os dois lusitanos eu já vi um cavalo lusitano que era quase igual ao Zorro e também já vi a alma numa fotografia e a alma é uma pomba com o sol à volta e umas fitinhas cor de rosa e música de órgão e eu também tenho um órgão mas não é desses e por isso é que me chamam Raiboso porque eu uma vez vi uma mulher nua e então eu disse-lhe A menina desculpe mas está desnudada e ele disse-me Ò minino más isto é mêmo um clubi di estripi tizi e eu como não sei falar inglês disse A menina desculpe não era por mal e ela que afinal não era inglesa , era do Porto disse Ó filho tu és daqui? e eu disse Por acaso não mas faz-me raiva e ela pôs-me a mão aqui por baixo e disse Ui meu Deus tanta raiva que aqui vai e eu disse Ahhhh....e ela disse Então não queres ir comigo? e eu fiquei muito comovido porque ela nem vomitou nem disse meu Deus e eu disse Está bem e ela disse Então dá-me a mão e leva-me para o quarto que eu sou cega e eu não disse nada e dei-lhe a mão e ela também ma agarrou mas não foi na mão e disse Ai que Raiboso tanta Raiva que aqui vai e eu não disse nada e ela disse Bem sabes que são quarenta para os três pratos e eu por acaso estava cheio de fome e depois de comer aquela pratalhada toda ela disse Ui que ainda tens tanta Raiva e então lá comi tudo outra vez e ela depois disse Ui que ainda tens Raiva e dessa vez só deu para o prato principal porque também podia fazer mal e por isso me ficou o nome de Raiboso porque tem vezes que tenho tanta tanta Raiba que o que me vale é a Clotilde , a Clotilde é por assim dizer uma pessoa muito amiga a muito íntima e vivemos os dois juntos e somos muito felizes ,ainda me lembro do dia em que a fui buscar ao aeroporto e depois trouxe-a para casa e ela sempre muito caladinha , que a Clotilde é muito reservada e não vou entrar em promenores da nossa intimidade, ora essa isso não , mas quando cheguei a casa coloquei a Clotilde em cima da cama e fui buscar a bomba da bicicleta e como estava muito raivoso e que ela me perdoe , cheio de nervos , enchi demais a válvula número quatro e ela ficou com um peito muito grande, era o esquerdo , que a Clotilde tem sete válvulas e mesmo com o peito esquerdo do tamanho de um melão estava linda , com aqueles olhos muito abertos, a boca escancarada de espanto , loirinha por todo que a Clotilde mesmo nos pêlos púdicos é muito loirinha e é tudo natural que eu escolhi cabra loira em vez de porco preto , sempre é outra coisa por mais 27 euros mais portes, e então eu deitei-me ao lado dela e dei-lhe a mão e disse Ó Que-Lo-Til_De e ela não disse nada que ela é muito reservada acho que já disse , e eu fiquei tão comovido que até chorei, e por acaso a Clotilde tem andado muito muito triste mas eu isso conto amanhã, ela tem razão, coitada , mas amanhã eu conto e como vê senhora DonaGata não coloquei aqui nenhuma fotografia minha mesmo as do saco que é para não assustar as pessoas do seu belógue e agora vou falar com a Clotilde para ela não ficar ainda mais triste. Tadinha.
8 de Novembro de 2007 16:16
Pois é!
E foi assim, a modos que a brincar, com um “simples” comentário a um poema que se iniciou este “belogue”.
Agora é só continuar!...

3 comentários:

Donagata disse...

Pronto. Está começado. Agora é só pegares nessa "raiba" e desatares a escrever.
Espero para ver.

Anónimo disse...

Eu também já arranjei assento na primeira bancada.

Cristina disse...

Wow!!!
Espectáculo!

lololol

Adorei ;)

Cristina Loureiro dos Santos